Destaques:

Árvore de decisão: o que é e como ter para chatbots?

árvore de decisão
Augusto Turcato
Augusto Turcato, especialista há 9 anos em marketing de conteúdo, faz parte do time de marketing que ajuda milhares de vendedores, gestores e empreendedores brasileiros a aumentar suas vendas com metodologias e tecnologias aqui no CRM PipeRun.

Resumo do artigo:

A árvore de decisão é uma ferramenta visual que mapeia escolhas e seus possíveis resultados, com o objetivo de facilitar o processo de tomada de decisão;

Ela auxilia na visualização clara das opções e consequências para permitir análises mais detalhadas e decisões mais seguras;

O CXM de Atendimento da PipeRun integra a árvore de decisão para otimizar as interações em chats e chatbots, tornando a comunicação mais eficiente e precisa.

A árvore de decisão é uma ferramenta que talvez você nunca tenha ouvido falar, mas que é essencial para qualquer área.

No mundo corporativo, para que uma empresa cresça de verdade, é crucial que todos os membros, desde os da diretoria até os analistas, tomem decisões assertivas.

Inclusive, se você nunca parou para pensar, estamos a todo o instante decidindo, mesmo sem perceber.

Algumas decisões empresariais, como o lançamento de um novo produto, carregam um peso muito grande.

Já outras escolhas, como a seleção de um fornecedor, podem parecer mais simples.

A verdade é que cada decisão tem sua importância e necessita de uma análise cuidadosa.

Agora, diante de tantas escolhas, como simplificar esse processo? Por onde começar? Qual ferramenta é a ideal para apoiar neste desafio?

A árvore de decisão é, sem sombra de dúvidas, uma das melhores opções, e neste artigo, você vai entender o motivo.

Continue a leitura e saiba como essa ferramenta pode ser essencial em chats e chatbots, revolucionando a tomada de decisões na sua empresa.

Vamos lá?

O que é a árvore da decisão?

A árvore de decisão, como o nome sugere, é uma ferramenta que se assemelha a uma árvore e ajuda na tomada de decisões.

Explicando de maneira mais detalhada, trata-se de um diagrama que apresenta uma série de escolhas e os possíveis desdobramentos de cada uma delas.

Com isso, ela permite visualizar e comparar diferentes caminhos de ação, levando em consideração variáveis como custos, riscos, benefícios e outras.

A analogia da árvore é ilustrativa, mas pode te ajudar a entender melhor sua funcionalidade.

Por exemplo, imagine uma árvore começando pelo tronco, que é a situação inicial ou a decisão primária.

À medida que vamos subindo, essa árvore se ramifica em diferentes galhos, representando cada uma das possíveis escolhas ou consequências.

Seguindo nesse crescimento, cada galho pode levar a outras ramificações, ou seja, novas soluções, desafios ou resultados.

Por fim, chegamos às folhas e frutas, que simbolizam os resultados de todo o processo de tomada de decisão.

No contexto tecnológico, a árvore de decisão é um recurso valioso, especialmente na área de aprendizado de máquina e inteligência artificial.

Ela é usada para criar algoritmos capazes de prever a melhor escolha, de forma matemática, com base em dados e variáveis definidos previamente.

Os nós de uma árvore de decisão

Na estrutura de uma árvore de decisão, temos 3 tipos de nós, que são essenciais para sua compreensão. São eles:

  • Nó de Raiz: É o ponto de partida e representa a decisão central que precisa ser abordada;
  • Nó de folha: Pode ser uma nova decisão menor ou um teste que auxilia a determinar a direção seguinte na árvore;
  • Ramificação: Serve como uma ponte, ligando os resultados às respectivas decisões ou testes;
  • Conector: Ajuda a ilustrar opções binárias, como decisões de “sim/não” ou respostas mais diretas;
  • Ponto de extremidade: Representa os desfechos finais da árvore, ou seja, é a conclusão ou o resultado alcançado após seguir por um caminho específico.

Com base nessa estrutura, a árvore de decisão oferece uma visualização clara das opções e consequências relacionadas a uma decisão. 

Quais as vantagens da árvore de decisão?

A árvore de decisão é uma ferramenta que vem sendo aplicada em diversas áreas, como tecnologia, produto, marketing e até mesmo atendimento.

Afinal, além de facilitar as análises, também ajuda a otimizar todo o processo de decisão. 

Dentre os principais benefícios, podemos ressaltar:

  • Visualização clara de resultados: Permite possíveis desfechos de cada decisão, oferecendo uma visão mais ampla das opções;
  • Intuitiva: A sua estrutura é desenhada de uma maneira que facilita a compreensão, sem ser muito técnica;
  • Aplicável em vários contextos: Pode ser aplicada tanto em ambientes corporativos quanto em situações do dia a dia;
  • Tomada de decisão objetiva: Auxilia na escolha mais informada e evita decisões precipitadas;
  • Custo-benefício: Não exige investimentos, podendo ser elaborada com recursos simples;
  • Eficiência no processo decisório: Ao clarificar os caminhos, ajuda a encontrar soluções de forma mais ágil.

árvore de decisão como fazer

Como se faz uma árvore de decisão?

Se você chegou até aqui, já sabe que uma árvore de decisão torna o processo decisório mais estruturado e lógico. 

Mas como e quando exatamente criamos uma!? 

Abaixo, vamos te explicar os passos essenciais para construir sua própria árvore de decisão e otimizar suas escolhas.

1. Tenha uma decisão

O ponto de partida para montar uma árvore de decisão é, obviamente, definir qual decisão você precisa tomar.

Tomando como exemplo a decisão de abrir um novo negócio, o ponto inicial ou o “nó raiz” da sua árvore representa essa decisão central: “abrir um negócio”.

2. Liste as opções

Uma vez que a base da sua árvore de decisão está estabelecida, o próximo passo é identificar e listar todas as opções ou alternativas possíveis. 

Em seguida, essas opções devem ser representadas como ramificações saindo do nó raiz.

Retomando nosso exemplo, as ramificações podem representar diferentes tipos de negócios, como “restaurante”, “loja de roupas” ou “consultoria online”.

3. Vá para a prática

Pronto para aplicar na prática? Agora, o objetivo é analisar e testar cada uma das opções listadas na sua árvore.

Utilizando o exemplo do “restaurante”, a análise pode ser feita por meio de “nós de folha”, que se conectam às ramificações, formulando perguntas como: “há demanda suficiente na região?”, “qual seria o investimento inicial?”.

Existem outras questões relevantes como “qual o público-alvo?” ou “há concorrência próxima?”.

4. Elenque as conclusões

Finalmente, após avaliar todas as alternativas, é hora de determinar a conclusão ou o desfecho para cada caminho na árvore.

Por exemplo, se a análise do “restaurante” indicar alta concorrência e investimento inicial muito elevado, a conclusão pode ser “risco alto: reconsiderar”.

É crucial, nesta fase, considerar também potenciais riscos associados a cada conclusão. 

Você pode indicar esses riscos classificando cada um deles conforme seu grau de probabilidade, destacando se são “riscos baixos”, “riscos médios” ou “riscos altos”.

Árvore de decisão para chats e chatbots

Como comentamos no início deste artigo, a árvore de decisão é uma ferramenta que pode ser aplicada em diferentes áreas, incluindo na de atendimento ao cliente.

No contexto de atendimento, ela pode direcionar um chatbot a oferecer respostas úteis às questões dos clientes, com base em interações e perguntas anteriores.

Para ilustrar melhor, imagine que um cliente busca suporte com sua empresa para saber mais sobre o processo de postagem de um produto. 

Então, ao acessar o chat, ele questiona: “como faço para postar meu produto?”. 

O chatbot, utilizando sua árvore de decisão, pode começar com uma pergunta básica como “você já possui a embalagem adequada?”, e dependendo da resposta do cliente, prosseguir com as instruções específicas.

Esse processo continua até que o cliente tenha todas as informações necessárias para realizar a postagem.

E é por esse motivo que a árvore de decisão é tão essencial para chatbots – ela não só ajuda na automação das respostas, mas também garante que as soluções oferecidas sejam relevantes para as necessidades de cada cliente. 

Leia também: Chatbot para WhatsApp: saiba como implementar essa solução

Ferramenta com árvore de decisão para chats e chatbots

Você já pensou em potencializar suas interações com clientes usando chats e chatbots baseados em árvores de decisão? Com o CRM de Atendimento da PipeRun, isso é mais do que possível.

Nossa ferramenta foi desenvolvida para entender a complexidade de cada interação com clientes e, assim, permitir respostas mais rápidas e precisas.

E se você busca mais integração, saiba que um dos principais recursos do CRM de Atendimento é a centralização de canais.

Isso significa que, independentemente de onde a comunicação seja iniciada – seja por e-mail, chat ao vivo ou redes sociais -, tudo fica integrado em um único painel.

E o resultado disso?

Você acompanha tudo de perto e ainda pode responder a cada contato na hora, de forma rápida e eficiente.

Gostou e quer saber mais? Fale com nossos consultores e descubra todas as possibilidades!

Conclusão

Agora que você já está por dentro do que é a árvore de decisão, está na hora de implementar essa ferramenta no seu dia a dia! 

Com as dicas que compartilhamos ao longo deste artigo, você tem nas mãos tudo o que precisa para aprimorar a tomada de decisões em diversos setores do seu negócio.

Então, mãos à obra!?

Se você gostou deste conteúdo e quer se aprofundar ainda mais, não deixe de conferir outros artigos em nosso blog. 

Estamos sempre trazendo novidades e informações relevantes para te ajudar a alcançar o sucesso, seja em marketing, vendas ou atendimento ao cliente.

Esperamos por aqui em breve!

Até a próxima leitura e sucesso em suas decisões!

FAQ – Perguntas Frequentes

O que é a árvore da decisão? 

De maneira simplificada, a árvore de decisão é uma ferramenta visual que mostra opções de decisão e seus possíveis resultados, como um mapa de escolhas.

Como se faz uma árvore de decisão?

Para fazer uma árvore de decisão, você precisa começar identificando uma decisão principal. Depois, deve adicionar os possíveis caminhos ou opções a partir dessa decisão e, então, os resultados de cada escolha.

Mais automação. Mais economia. Mais resultado.

Contar com uma plataforma nacional de aceleração de vendas é muito mais negócio.

Acompanhe todas as novidades sobre Marketing e Vendas

Se inscreva em nossa newsletter e fique por dentro!