Mentalidade de sucesso

8 min de leitura7 hábitos para construir uma mentalidade de sucesso nos negócios

Uma mentalidade de sucesso é o potencializador de bons resultados e crescimento no dia a dia de quem ama empreender. Pensar positivo é importante para não só vislumbrar onde se deseja chegar, como também para cumprir os requisitos que levarão você até lá.

Todavia, esse é um processo de construção que ocorre diariamente. É necessário, na verdade, policiar-se e manter o foco naquilo que se almeja.

Ter sucesso no que faz, ser reconhecido dentro da sua área (e também fora dela) e ser referência no mercado… Quem não quer isso, não é verdade?

Mas, para isso, é preciso adquirir ou adaptar alguns hábitos. Algumas pequenas ações no dia a dia fazem não só você ter uma mentalidade de sucesso e de crescimento maior, mas influencia também todos ao se redor.

Ninguém é uma ilha e dificilmente será possível crescer sozinho. Então, quanto mais forte e compartilhada for a mentalidade de todos, mais perto dos objetivos se está.

Neste artigo, falaremos de alguns hábitos, algumas dicas que contribuem para que a mentalidade de todos nas empresas seja de crescimento. Seja direcionada aos esforços que fazem os negócios crescerem e os profissionais se destacarem.

Fique com a gente.

Boa leitura!

7 hábitos para uma mentalidade de sucesso nos negócios o ano inteiro

Como ter uma mentalidade de sucesso?

Uma mentalidade de crescimento exige foco. Isso você precisa ter claro desde o princípio se você deseja se destacar na vida. Quando pensamos nos negócio, isso precisa ser um objetivo muito maior.

Até porque, dependendo do segmento em que você e sua empresa atuam, a concorrência é enorme e fazer apenas “mais do mesmo” não levará você a lugar nenhum.

Ou, na verdade, até levará: à frustração.

É por isso que a construção de uma mentalidade de sucesso, embora trabalhosa, vale a pena. E para ajudar você nesta missão, separamos 7 hábitos que você precisa ou adquirir ou então modificar na forma com que você trabalha.

Ficou curioso? Então confira:

1 – Seja comprometido e disciplinado

“Vestir a camiseta” é item básico para qualquer compromisso firmado ser bem-sucedido. É preciso abraçar a causa. Ter comprometimento com o dia a dia de trabalho e suas funções.

Mas é necessário também disciplina para que isso possa ocorrer não do jeito mais fácil, mas sim do jeito certo. Em vendas, por exemplo, isso é vital na missão de como ser um bom vendedor.

Só é verdadeiro o comprometimento que se dá através do convencimento de que algo é importante. Somente assim as pessoas estarão engajadas naquilo que fazem e, em eventuais problemas, não pensarão imediatamente em desistirem.

E isso influencia todos que estão ao seu redor. Mostre quem você é, no que acredita e como faz que quem está ao seu lado, se notar que é verdadeiro, será um parceiro na caminhada.

2 – Busque qualificar-se constantemente

Dentro do contexto da construção de uma mentalidade de sucesso está a necessidade mais do que clara de aprimorar-se constantemente.

Se pensarmos em vendas, treinamento é essencial. Pode ser por meio de coaching, cursos… não importa.

Melhor do que isso: se você não souber, pergunte. Não precisa ter vergonha de recorrer a alguém mais experiente do que você na área ou na empresa mesmo.

Em se tratando de empresas, cabe à ela oferecer a capacitação aos colaboradores. Dê a chance e deixe quem realmente tem interesse em crescer vir atrás e mergulhar na oportunidade.

Proatividade faz parte de uma mentalidade de crescimento. Afinal, todos têm – ou ao menos deveriam ter – consciência do que precisam saber e como agir no seu dia a dia de trabalho.

3 – Seja capaz de enxergar e adaptar-se às mudanças

Ter uma mentalidade de crescimento é adaptar-se às mudanças

Literalmente do dia para a noite, o que tínhamos por convicção pode simplesmente desaparecer. Se pensarmos em uma empresa, o que antes era inovação pode em 24h estar completamente defasado. O mesmo vale para profissionais e suas práticas em qualquer segmento.

O item 2, aliás, dialoga muito bem com este.

Quem está constantemente buscando conhecimento é capaz de identificar mudanças e adaptar-se à elas. É um passo atrás de ser a mudança, claro. Mas não deixa de ser parte essencial da construção da mentalidade de sucesso que você quer ter.

Quem é organizado e está sempre atento ao que o mercado sinaliza consegue planejar-se em meio às mudanças que surgem.

4 – Tenha metas e objetivos e persiga-as

Definir metas e objetivos ajudam a vislumbrar o futuro – desde que, claro, sejam realísticos, possíveis de serem atingidos.

Planejar o trabalho e trabalhar o plano. Assim você conseguirá construir uma mentalidade de crescimento. Passo a passo. Sem pressa, mas constante.

Você vai ver que a partir do momento que o primeiro objetivo for alcançado, mais energia e disposição você terá para conseguir os próximos.

5 – Combata seus pontos fracos

Autocrítica é importante para saber onde os profissionais e também as empresas estão falhando durante a caminhada.

É preciso identificar as defecções e combatê-las. Quando é referente às organizações, reuniões de feedback são essenciais para ouvir de todos suas percepções e, também, entender como elas podem ser combatidas.

Quando falamos da pessoa individualmente, talvez seja mais difícil aceitar que temos problemas, não é mesmo? Ou, muitas vezes, pôr em prática as soluções pode demorar um pouco.

Mas vislumbrar onde você deseja estar e ter a força de vontade de mudar faz parte da mentalidade de sucesso. Por isso, tente.

Se errar na primeira, se ver que não foi o caminho mais correto na segunda vez, não tem problema. Tente e erre – mas tente! E você vai começar a acertar quando menos perceber.

Dentro dessa realidade, a análise SWOT ajuda as empresas na missão de identificar fraquezas e também os pontos fortes.

6 – Identifique padrões de erros e de acerto

Por que aquilo deu certo?

Mas o que eu fiz de errado naquele momento?

Todo mundo falha e todo mundo acerta todos os dias. E está tudo bem. Mas, o que diferencia as pessoas de sucesso é entender os porquês.

Por que você conseguiu fechar aquela venda e, com outro cliente com o mesmo perfil, não?

E a empresa, conseguiu reter um talento mas perdeu outro. O que aconteceu?

Novamente a autoavaliação cabe aqui. Mas, além disso, registrando exatamente como cada coisa aconteceu será possível identificar padrões e, a partir daí, partir ou para a correção do rumo, ou aprimoramento do que está correto.

Mapeie, analise e reflita.

Olha o que foi feito corretamente, amplie e repita. Veja o que não saiu do jeito certo, entenda o contexto, corrija e tente de novo.

Não existe fórmula mágica. Existe trabalho, organização e disciplina.

7 – No tempo livre, relaxe a mente

Mentalidade de crescimento: relaxa e limpe a mente

Passa por uma mentalidade de crescimento ter momentos de tranquilidade, de “desligamento” do ambiente de trabalho.

Perseguir algo que se deseja é bom, mas tornar isso uma obsessão e a única razão de viver não é saudável.

Por isso, relaxe a mente. Distraia-se. Saia. Aproveite o tempo livre. Fará muito bem quando você voltar ao trabalho. A disposição será maior. De repente o seu tempo livre trouxe insights por conta de um filme que você viu, um livro que leu, um bate-papo que teve?

Mas procure oxigenar a cabeça com coisas diferentes também. Quem sabe não surge uma ideia, ou uma visão totalmente nova daquilo que você lida diariamente? Pode ser extremamente positivo. Experimente!

Mentalidade de crescimento: como as empresas podem se beneficiar?

Carol Dwerk é professora de psicologia e desenvolveu um estudo que fala sobre mentalidade de crescimento e também mentalidade fixa. A pesquisa sobre mindset é ampla e tem uso para diversas áreas – inclusive virou livro. Mas o recorte que nos interessa, neste post, diz respeito ao âmbito corporativo.

Segundo ela, as organizações que adotam uma mentalidade de crescimento, incentivam as pessoas a arriscarem mais, mesmo que o resultado final não seja o esperado.

Torna-se um hábito buscar os melhores resultados com a promoção deste chamado growth mindset.

Mas é preciso tomar cuidado para que isso não vire uma “corrida de talentos”, com uma competitividade exagerada e desleal entre os colaboradores. Quando isso acontece, dá-se o nome de “mentalidade fixa”.

Uma mentalidade saudável dentro das empresas estimula o aprimoramento constante e a troca e compartilhamento de informações e melhores práticas.

É fundamental adotá-la de maneira saudável. Não pode ser imposta. É preciso calma e processos. E toda a evolução precisa ser valorizada.

Uma boa saída pode ser aplicação dos métodos ágeis, acelerando o conhecimento de todos e mostrando como devem ocorrer as práticas internas. Vamos tentar?

E aí, como podemos te ajudar?

Se você ficou com alguma dúvida sobre esse artigo, ou busca melhores resultados em sua empresa, fale com um consultor hoje mesmo.

Aproveite e leia dois artigos que podem ser útil no dia a dia em negócios.

O primeiro traz algumas frases motivacionais para inspirar você.

Já o segundo aborda sobre como a metodologia 5S ajuda as empresas a aprimorarem os processos.

Boas vendas!

Um abraço do PipeRun, o seu CRM. #RunPipeRun

Equipe de Redação
conteudo@odig.net