UTM: o que é, parâmetros, por que e como usar

utm
Augusto Turcato
Augusto Turcato, especialista há 9 anos em marketing de conteúdo, faz parte do time de marketing que ajuda milhares de vendedores, gestores e empreendedores brasileiros a aumentar suas vendas com metodologias e tecnologias aqui no CRM PipeRun.

Resumo do artigo:

UTM é um conjunto de parâmetros usados para rastrear fontes de tráfego em URLs;

Essa ferramenta é crucial para o marketing digital, pois não só indicam a origem dos visitantes, mas também oferecem insights sobre quais canais, campanhas ou tipos de conteúdo estão gerando mais conversões;

Com o CRM de Vendas da PipeRun, você não só acompanha os leads, mas também consegue rastrear o desempenho de suas campanhas com precisão a partir das UTMs.

Você sabe o que é ou já ouviu falar em UTM? Se você tem contato com a área de marketing, com certeza tem uma noção do que seja.

Em resumo, UTM é uma ferramenta essencial para qualquer profissional que deseja entender a origem do tráfego em suas campanhas digitais.

Já pensou em saber qual postagem nas redes sociais trouxe mais visitantes? Ou qual e-mail gerou mais cliques? A UTM pode te dar essas e outras respostas!

Se esse tema é novo para você, não precisa se assustar, pois é menos complexo do que se imagina. 

Ao longo deste guia, você vai descobrir o que é UTM, o significado dos principais parâmetros, sua importância e como você pode usá-la para otimizar suas estratégias.

Pronto(a) para conferir? Então, vamos lá!

O que é UTM?

UTM (Urchin Traffic Monitor) pode ser traduzido para o português como Monitor de Tráfego de Urchin.

Em resumo, trata-se de um conjunto de parâmetros anexados a URLs para rastrear a eficácia de campanhas de marketing digital.

Imagine que você tenha lançado um material rico, como um e-book, e queira saber se ele realmente está gerando conversões qualificadas para o seu negócio.

Com o uso de links rastreáveis, é possível identificar exatamente de onde vem o tráfego e o interesse pelo seu material. 

Esses parâmetros são ferramentas muito úteis no marketing, pois ajudam o Google Analytics e outras plataformas na coleta de dados específicos das campanhas. 

Utilizando esse tipo de URL, você garante uma análise mais aprofundada da sua campanha, e pode descobrir qual parte dela está funcionando bem e qual precisa de ajustes.

E por falar em eficácia, é crucial saber como estruturar suas UTMs corretamente para ter os melhores insights.

Para te ajudar a entender, considere este link:

seusite.com/ebook?utm_source=facebook&utm_medium=ad&utm_campaign=ebook_julho

Neste exemplo simples, temos:

  • utm_source=facebook: indica que o visitante clicou no link a partir do Facebook;
  • utm_medium=ad: mostra que o meio utilizado foi um anúncio pago;
  • utm_campaign=ebook_julho: especifica que a campanha promove um e-book lançado em julho.

Se isso pareceu complicado para você, fique tranquilo(a), pois abaixo vamos te explicar tudo o que você precisa saber para montar suas UTMs.

Leia também: Marketing Led Growth: o que é e quais são as estratégias

Por que é importante usar UTM?

Por que é importante usar UTM?

Entender os detalhes por trás das visitas do site ou campanha é crucial para o sucesso das suas estratégias de marketing digital

Afinal, quem não quer saber o que está dando certo e o que precisa de ajuste? 

Mas você deve estar se perguntando: por que é tão importante usar UTM? 

Vamos te explicar abaixo!

Rastrear fontes de tráfego

A função básica da UTM é saber exatamente de onde está vindo seu tráfego, ou seja, quais os canais de maior performance em relação aos acessos do seu site ou landing page.

Com esses dados em mãos, você pode direcionar seus esforços e recursos para os canais que trazem os melhores resultados em campanhas futuras.

Acompanhar campanhas

Quando bem configuradas, as UTMs te mostram muito sobre suas campanhas.

Com elas, você pode saber de onde as pessoas estão vindo, qual o formato de conteúdo que está performando melhor, dentre outras informações.

Utilizando essas informações, é possível refinar sua estratégia e, se necessário, reajustar a direção da campanha.

Leia também: 20 tipos de marketing para sua empresa potencializar resultados

Otimizar anúncios

Para que um anúncio funcione bem, é preciso acompanhar sua performance e, é claro, otimizá-lo diariamente.

Uma forma de fazer isso é aplicando os testes A/B, que consiste em comparar duas versões de algo, como anúncios, textos, criativos, etc.

Por exemplo, para descobrir qual tipo de anúncio funciona melhor para promover uma oferta, basta adicionar um parâmetro diferente para cada um deles e analisar o que gerou melhores resultados. 

Simples, não é mesmo?

Conhecer melhor o cliente

Quando você sabe de onde seus visitantes vêm, indiretamente consegue entender melhor seu perfil, hábitos e até mesmo interesses. 

Além de facilitar o monitoramento das campanhas, uma UTM configurada corretamente  também oferece informações valiosas para o planejamento de futuras campanhas.

Aumentar lucratividade do negócio

Como você já deve imaginar, apenas adicionar um parâmetro ao seu link não vai aumentar instantaneamente suas vendas. 

Mas, isso te dá uma ajuda a mais para conhecer seu cliente. 

E quando você conhece bem seu cliente, consegue oferecer soluções realmente alinhadas às suas expectativas e melhorar toda a experiência de compra.

E aí, o que acontece? Seu cliente fica mais inclinado a comprar, resultando em mais vendas e, claro, mais lucro para o negócio.

Leia também: O que é benchmarking, como fazer, importância, dicas e mais

Onde usar UTMs?

Você pode usar UTMs em diversos tipos de canais e materiais digitais.

No entanto, a escolha certa dependerá especificamente do tipo e do objetivo da campanha que você pretende veicular.

De modo geral, é possível inserir esses links em:

  • Redes sociais: permitem rastrear quais plataformas geram mais tráfego e conversões;
  • E-mails marketing: ajudam a entender a eficácia de seus CTAs e quais conteúdos incentivam os usuários a clicar;
  • Anúncios pagos: Seja no Google Ads, Meta Ads ou outras plataformas de publicidade, usar UTMs ajuda a determinar quais anúncios têm melhor desempenho;
  • Banners em sites e blogs: podem rastrear a eficácia de cada formato e dos canais de veiculação;
  • Parcerias e afiliados: são úteis para identificar qual parceiro gera mais tráfego ou vendas, e também paga as comissões devidas;
  • Materiais ricos: em e-books, infográficos, webinars e outros materiais de valor, inserir UTMs permite rastrear quais geram mais interesse e conversões;
  • Bio de perfis sociais: o link da bio do Instagram ou descrição do Twitter pode conter uma UTM para rastrear quantas pessoas estão acessando seu site ou landing page a partir dessas redes.

Quais são os parâmetros de UTMS que existem?

Quais são os parâmetros de UTMS que existem?

De maneira simplificada, os parâmetros de UTMs têm a função de rastrear a eficácia das suas campanhas de marketing em ferramentas de análise, como o Google Analytics. 

Para que você entenda na prática como eles funcionam, explicamos a seguir os mais utilizados hoje em dia:

utm_campaign

O utm_campaign é basicamente o nome da sua ação de marketing.

Isso significa que serve para identificar de qual campanha de marketing aquele link veio, especialmente se você possui várias ações rodando ao mesmo tempo.

Por exemplo, se você está promovendo uma promoção de Black Friday, seu utm_campaign pode seguir esse padrão:

exemplo.com/?utm_campaign=black_friday

utm_source

Outro parâmetro importante para considerar na hora de ativar suas campanhas é o utm_source, que indica a origem do tráfego.

Em outras palavras, ele mostra de qual plataforma as pessoas estão chegando até seu site ou landing page, como Facebook, Instagram ou Google. 

Se a sua campanha de Black Friday está rodando no Instagram, a estrutura pode ser:

exemplo.com/?utm_campaign=black_friday&utm_source=instagram

utm_medium

Já o parâmetro medium identifica o método utilizado para alcançar o público. 

Ou seja, ele diferencia se o acesso veio de um post orgânico, um anúncio pago, um e-mail, entre outros. 

Para entender melhor, vamos continuar com o exemplo da campanha de Black Friday.

Se você optar por criar um anúncio pago no Instagram, pode usar a seguinte estrutura:

exemplo.com/?utm_campaign=black_friday&utm_source=instagram&utm_medium=anuncio_pago

utm_content

O parâmetro content é usado para adicionar detalhes a mais sobre o conteúdo da sua campanha. 

Por esse motivo, costuma ser muito útil quando há múltiplos formatos ou testes A/B em uma campanha. 

Supondo que o formato escolhido para sua campanha de Black Friday seja um vídeo, seu link rastreável poderia ficar assim:

exemplo.com/?utm_campaign=black_friday&utm_source=instagram&utm_medium=anuncio_pago&utm_content=video

utm_term

Por fim, o utm_term é utilizado principalmente para identificar palavras-chave em campanhas de busca paga, como as de Google Ads. 

De forma simplificada, ele especifica por qual termo ou palavra-chave o usuário encontrou o seu anúncio.

Abaixo temos um exemplo aplicado à campanha de Black Friday. Preste atenção na mudança dos outros parâmetros que usamos para explicar os anteriores:

exemplo.com/?utm_campaign=black_friday&utm_source=google&utm_medium=search_ad&utm_term=palavra_escolhida

EBOOK GRÁTIS

Tenha uma equipe de marketing de alta performance e aumente sua captação de leads

O material será enviado por e-mail. Confira a caixa de entrada e também de spam.

Outros parâmetros avançados de UTMs

Além dos parâmetros mais convencionais que acabamos de explicar, existem outros mais avançados que você também pode aplicar na hora de ativar seus anúncios.

Abaixo, listamos e explicamos alguns desses parâmetros avançados para você:

  • utm_device: indica o dispositivo no qual a URL está sendo acessada (celular, tablet, computador);
  • utm_matchtype: destaca o tipo de correspondência da palavra-chave usada em campanhas de busca paga (exata, ampla ou de frase);
  • utm_creative: se refere ao tipo específico de conteúdo ou design que foi criado para uma campanha (banner, vídeo, imagem, etc.);
  • utm_adposition: indica a posição do anúncio ou link em uma página (topo, meio, rodapé, etc.).

 

Como construir UTM?

Construir UTM não é uma tarefa tão complicada quanto muitos acham que é.

No entanto, é preciso prestar bastante atenção em cada parâmetro para não correr o risco de errar e ter suas análises comprometidas lá na frente.

Para construir seu link UTM de maneira mais prática, opte por usar uma ferramenta de UTM builder.

Se você não conhece nenhuma, não se preocupe, pois vamos compartilhar uma opção no tópico abaixo.

Mas antes, aqui vão algumas dicas úteis para construir UTM:

  • Mantenha um padrão para os termos usados nos parâmetros: isso pode te ajudar a evitar confusões durante a análise;
  • Evite alternar entre letras maiúsculas e minúsculas: o recomendado é sempre usar minúsculas;
  • Evite espaços: você pode usar traços (-) ou sublinhados (_);
  • Evite caracteres especiais: eles podem ser mal interpretados pelos navegadores e pelo GA;
  • Teste os links antes de usar: sempre clique nos links UTM para garantir que estão funcionando corretamente;
  • Documente tudo: crie uma planilha para registrar os links UTM e assim evitar redundâncias nas próximas.

BAIXE EBOOK GRÁTIS

Guia de como fazer
Prospecção Ativa B2B

Baixe o material e confira sua caixa de entrada e também de SPAM

Ferramenta de UTM builder

Como comentamos no tópico acima, uma ferramenta de UTM builder pode te ajudar a evitar erros na hora de criar seus links rastreáveis.

Uma ótima opção para incluir no seu dia a dia é o UTM builder da PipeRun, que conta tanto com os parâmetros clássicos quanto com os avançados. 

Para começar, acesse a página da ferramenta, insira as informações da sua campanha e pronto, seu link estará feito!

Ah, e tem mais! Na mesma página, você encontra uma lista detalhada de parâmetros e o que cada um significa, para facilitar o processo de criação das suas UTMs.

Gostou? Clique aqui para acessar o UTM builder da PipeRun.

Monitore suas UTMs com o CRM PipeRun

Sabe aquela frase que diz que o que não é medido, não é gerenciado?

Com o CRM de Vendas da PipeRun, você não só mede, mas também gerencia e otimiza os resultados das suas campanhas.

Já imaginou poder filtrar e identificar exatamente quais campanhas estão trazendo os melhores leads, diretamente no seu pipeline ou em relatórios fáceis de interpretar?

Com o CRM PipeRun, isso é mais que possível, é prático!

Além disso, com a nossa plataforma, você consegue comprovar o ROI de cada campanha, identificando qual anúncio, com qual formato, em que posição e com qual conteúdo trouxe os leads mais qualificados.

Lembrando que, se você tem banners no seu site, blog ou links em outros sites parceiros, ainda pode rastrear e entender quais deles estão performando melhor.

Então, quer monitorar suas UTMs e levar sua análise e gestão de leads a outro nível? Experimente o CRM PipeRun!

Conclusão

Viu só como a UTM não é tão difícil de entender quanto parece? 

Essa ferramenta, quando bem configurada, pode oferecer insights poderosos para suas estratégias de marketing. 

Então, da próxima vez que lançar uma campanha, não esqueça de integrar as UTMs e aproveitar todas as suas vantagens.

Gostou de aprender sobre UTM? Aproveite a oportunidade para conferir um artigo que explica o que são backlinks, para que servem e por que são importantes no SEO. 

Esperamos te encontrar por aqui novamente!

Até o próximo conteúdo!

FAQ – Perguntas Frequentes

Quais são os parâmetros de UTMS que existem?

Os principais parâmetros de UTMs que existem são: utm_source, utm_medium, utm_campaign, utm_term e utm_content.

Como construir UTM?

Para construir UTM, defina o URL base, adicione os parâmetros começando com “?utm_”, e separe múltiplos parâmetros com “&”.

Mais automação. Mais economia. Mais resultado.

Contar com uma plataforma nacional de aceleração de vendas é muito mais negócio.

Acompanhe todas as novidades sobre Marketing e Vendas

Se inscreva em nossa newsletter e fique por dentro!