Email marketing

14 min de leituraEmail marketing: veja o que é, por que fazer e dicas para suas campanhas

Email marketing é o uso de campanhas de email, no marketing digital, para atrair, reter, encantar e fidelizar clientes. O objetivo é melhorar os resultados comerciais e também fortalecer a marca. Para isso, porém, alguns cuidados e requisitos são necessários para que essa missão seja bem sucedida nas empresas.

Relacionar-se com seus clientes. Impactá-los de forma positiva. Mostrar o quão imperdível é a sua empresa.

Que gestor não deseja isso de maneira contínua para os seus negócios? Ser relevante e diferenciar-se no meio de uma enxurrada de conteúdo que todos recebemos diariamente é, todavia, difícil.

Como ser relevante a tal ponto que você não pode ser ignorado? Campanhas de email marketing, quando entregam o valor que os clientes precisam, atingem esse objetivo.

Claro que o caminho para chegar lá não é, nunca foi e provavelmente não será fácil. Mas você precisa começar pois vale e muito a pena.

Quando se cria um relacionamento duradouro e saudável com seus clientes, os frutos colhidos mais adiante são sempre positivos.

Por isso, neste artigo, abordaremos diversas questão envolvendo email marketing.

Conceito, benefícios, tipos, dicas e também de que maneira tornar suas campanhas cada dia mais eficientes – independente do momento.

Assim, você tornará essa missão muito mais fácil e também fluída dentro de seus negócios.

Vamos conferir?

Boa leitura!

O que é email marketing?

O que é Email marketing?

Email marketing é uma das estratégias de marketing digital que baseia na comunicação de empresa e clientes através do envio de emails.

É um contato feito mediante um ou mais disparos para uma segmentação específica. E, geralmente, se dá através de uma plataforma de automação de marketing (como MailChimp, LAHAR, Dinamize ou RD Station).

Com isso, é possível fazer uma entrega em grande escala personalizada e direcionada para os interesses do público selecionado.

É comum enviar emails marketing para:

  • oferecer produtos ou serviços;
  • enviar promoções, descontos;
  • confirmar uma compra e realizar ações de pós-vendas;
  • mandar conteúdos relevantes aos prospects;
  • enviar a newsletter com novidades, entre outros.

O email marketing não é e não pode ser visto como algo invasivo, que visa unicamente vender e “empurrar” algo para as pessoas.

Muitas vezes se via esse recursos como uma espécie de telemarketing virtual, enviando indiscriminadamente ofertas pra quem sequer havia demonstrado interesse.

Todavia, com o passar dos anos, houve evolução e um melhor entendimento sobre como isso pode ser aplicado.

Embora haja concorrência de outros meios – como WhatsApp -, a segmentação de público de acordo com interesse, renda, idade, região, sexo, entre outros é algo que só o email marketing traz com precisão.

Afinal, usando desta estratégia você consegue um alcance maior (e previsível), usa formatos flexíveis e consegue um retorno financeiro quando alia estratégias de inbound marketing, por exemplo.

Da forma certa, com paciência, você conseguirá promover seus conteúdos, engajar seus leads e nutrir e educá-los para que eles possam se sentir confiantes para comprar.

Quando isso ocorrer, se dará o que chamamos de “passagem de bastão”. Esse lead estará pronto para que um SDR o qualifique para a venda.

Seguindo essas etapas, as vendas ficam muito mais fácil de ocorrer. Afinal, ele estará seguro e confiante de que sua empresa é o que ele precisa

5 dicas de como criar email marketing eficiente

Como criar email marketing?

O email marketing é uma das principais ferramentas, e uma das preferidas pelos especialistas em termos de marketing digital. Mas isso você provavelmente já sabe.

Entre as muitas vantagens de usar o essa ferramenta, encontram-se a possibilidade de segmentação da maneira que a empresa julgar conveniente.

O que é uma vantagem, por exemplo, em relação ao WhatsApp, ferramente cada vez mais comum para captação de clientes e relacionamento com os mesmos.

Além, claro, do caráter pessoal das mensagens que transmite a sensação de intimidade entre o remetente e o lead.

Selecionamos algumas das nossas melhores dicas sobre email marketing para você usar na sua empresa.

1 – Mostre o caminho que será trilhado

Você já deve ter recebido um email marketing daqueles que ficam revelando alguns detalhes sobre a próxima mensagem, só pra deixar você curioso, não é?

Essa é justamente a grande sacada do email marketing: fazer com que você fique esperando pela próxima mensagem!

Enviar emails para seus clientes, se feito errado, pode ser um “tiro no pé” e gerar muitos cancelamentos.

Com o objetivo de evitar este transtorno, dar uma prévia do conteúdo que o lead receberá nas próximas mensagens vai deixar o seu email marketing com “gostinho de quero mais”.

Quer um exemplo?

Dê uma olhada na imagem abaixo, ela mostra de maneira bem simples, como conquistar a atenção dos seus leads.

Email marketing

2 – Não venda produtos, venda os resultados que eles vão gerar

Hoje sabemos que clientes que recebem email marketing contendo ofertas de produtos e serviços, gastam em média 83% mais em compras online.

Ou seja, isso mostra que vale muito a pena investir nessa ferramenta!

Porém, se você aceitar o desafio de divulgar seu produto ou serviço através de email marketing, é importante saber como abordar clientes.

Ao apresentar o produto ou serviço da sua empresa, não foque totalmente nas especificações técnicas dele.

Busque, também, sempre enfatizar os resultados que os produtos podem oferecer e os problemas que ele vai resolve.

Desta forma fica mais fácil para o cliente entender porquê ele precisa dos produtos que a sua empresa está vendendo.

3 – Segmente bem seus clientes

Para que a sua empresa consiga ótimos resultados com email marketing, é muito importante segmentar bem os seus clientes.

Isso porque buyer personas diferentes tendem a ter jornadas de compras diferentes.

Mesmo que a oferta seja a mesma para todos os consumidores, segmentar seus contatos faz com que você direcione melhor seus esforços.

E, claro, adapte melhor as campanhas para cada grupo, de acordo com suas demandas específicas.

Divida os contatos de acordo com o perfil criando uma buyer persona e monte uma campanha para cada grupo, que seja direcionada para os seus interesses.

4 – Avalie a qualidade dos seus leads

Leads email marketing

Toda empresa tem aquele lead que só “seguiu o fluxo” de automação mas não consumiu nenhum conteúdo.

Ou seja, quem baixou um material de topo de funil, e está chegando na fase de oferecer pra ele algum tipo de serviço. Todavia, ele não interagiu em nenhum momento, não clicou em nenhum link do email.

E agora você fica em dúvida se esse lead ainda pode sobreviver, se pode ser salvo ou se é preciso desapegar porque ele não vai avançar.

Como você faz essa escolha?

Analise o score dele, o perfil e a intenção de compra que ele demonstrou, e se ele se encaixa na persona que foi definida para sua empresa.

A partir da análise do potencial do lead, você decide se investe seu tempo para salvá-lo ou se desapega de vez.

5 – Após o download, continue oferecendo conteúdo

Quando um lead faz download de um material, você o direciona para a página de agradecimento, ou thank you page – como preferir.

Não utilize essa página apenas para agradecer, ofereça para ele o próximo passo. Isso pode ser em forma de:

  • um post que complemente o material que ele baixou;
  • um novo material que esteja na sequência;
  • um vídeo explicando como aproveitar o material que ele está recebendo, etc.

Ou seja, indicando um próximo conteúdo, você terá a chance de pedir dados diferentes e coletar mais informações para completar o perfil do lead.

3 tipos diferentes de email marketing para encantar clientes

Tipos de email marketing

É comum os profissionais de marketing levarem muito tempo focando os esforços em emails para converter leads em consumidores, não é?

Contudo, esse foco normalmente resulta em esquecer de construir um relacionamento com os consumidores. Você sabe, estou falando daquelas pessoas que já nos amam e iriam continuar comprando de nós com apenas um post.

O que é muito melhor.

O importante sobre a comunicação via email marketing é que a pessoa não deve sentir que isso é apenas marketing interessado em vender.

Leia-se: ninguém pode forçar ninguém a comprar algo.

Tome apenas cuidado antes de planejar sua ação de email marketing. Esse conteúdo é realmente relevante e necessário, ou se irá apenas ser mais um entre os vários e-mails que seu cliente recebe por dia?

Lembre que antes de tudo é preciso analisar seu consumidor, entender suas necessidades e adaptar sua abordagem de email marketing de acordo a isso

Aqui estão algumas opções para e-mails que parecem mais com cartas de amor que estratégias de marketing.

1 – A toda-poderosa nota de agradecimento

Ela pode (e deve ocorrer) depois de o cliente ter baixado alguns materiais ricos que a sua empresa produziu.

Você envia um email marketing divulgando a importância do conteúdo e o link para o mesmo. Quando o cliente fizer o download, um novo email é enviado.

Nele, você pode agradecer o fato de o conteúdo ter sido baixado, bem como comentar sobre os ensinamentos e o valor daquilo que você produziu.

É essa a comunicação que os consumidores atuais gostam e que fazem total diferença. O intuito deve ser sempre hunanizar a empresa e agradecer pela confiança.

De quebra, aproveite e indique ainda outros serviços que podem vir a ser soluções para o seu consumidor.

Não é demais?

Obviamente o e-mail tem a intenção de vender (todos nós sabemos), mas isso precisa ser comunicado de uma forma sutil e amigável.

É a forma de ganhar a confiança e ter um caminha pavimentado para entender como encantar o cliente de seus negócios.

Dizer obrigado realmente aumenta a chance de criar embaixadores de sua marca. Por que não tentar?

2 – A mensagem cordial de lembrete

Tipos de email marketing

Emails com lembretes são ótimas maneiras de manter-se em contato com seus consumidores e prover a eles um serviço grátis.

Quando você oferece aos seus consumidores algo de valor, eles ficarão mais propensos a responder de forma positiva os seus esforços em marketing.

Lembretes sobre um item relevante para a vida do seu cliente são exemplos perfeitos.

3 – A carta de desculpas

Outra forma ótima de comunicação com os consumidores atuais? A carta de desculpas.

Seriamente, o simples ato de contrição pode ir mais além com seus consumidores.

Todos cometem erros, e não há problemas. A empresa deve ser capaz de dizer: “Me desculpe. Você espera mais de nós. Nós faremos melhor”.

Pode ocorrer caso algum negócio não seja fechado, ou então o lead não tenha avançado na jornada do cliente.

Como fazer campanha de email marketing em datas comemorativas? Veja 8 passos!

Campanha de email marketing

Dia das mães, dos pais, natal, ano novo, dia dos namorados, das crianças… ufa, muita são as datas comemorativas durante um ano.

Certamente deixamos de citar algumas ali. Mas, de um jeito ou de outro, todas elas são boas oportunidades de negócio – e você precisa aproveitar.

Um email que entregue valor e seja atrativo pode ser a isca perfeita para você atrair mais clientes para sua empresa.

Claro que, para ter eficiência e eficácia nesta empreitada, alguns passos são importantes.

A segmentação é fundamental para ter sucesso e entender como abordar o cliente de maneira realmente assertiva.

Veja alguns requisitos importantes de serem preenchidos neste momento:

1 – Capriche no formato e no design

O design agrega valor em todos os produtos, independente do seu segmento. Em um email marketing, isso não é diferente.

É preciso valorizar um design que chame a atenção e que atinja o público da maneira certa.

Para diferenciar a sua campanha nas datas comemorativas dos outros emails enviados ao longo do ano, é necessário inovar:

  • no design;
  • na comunicação;
  • no call-to-action;
  • nas imagens;
  • nas mensagens.

Atente-se para a disposição das informações e das fotos, para criar uma peça visualmente atraente.

Um design simples, porém elegante, pode fazer a diferença e prender ao menos o interesse do cliente por preciosos segundos que o façam adquirir o produto que está sendo promovido.

Ah, e nunca se esqueça de desejar um bom feriado, ou “feliz dia do…” para todos ao final da mensagem, ok?

2 – Defina o foco da campanha

Foco campanha de email marketing

Você quer vender mais? Quer engajar o consumidor em uma campanha interativa? Quer encaminhar sugestões, ideias ou inspirações para seus contatos?

Ou simplesmente enviar um parabéns ou só desejar algo?

Seja qual for o objetivo, estabeleça e o tenha bem claro no planejamento do seu email marketing – até para evitar frustrações com o resultado da campanha.

3 – Segmente e personalize

O maior erro de uma campanha de e-mail marketing é tentar falar com o mundo, ter uma grande abrangência.

Verifique, portanto, se o seu banco de dados está devidamente preenchido e atualizado.

Em datas comemorativas, recebemos dezenas e dezenas de mensagens que, às vezes, por serem tão genéricas acabam passando batidas.

Utilize as informações dos destinatários para personalizar suas mensagens e selecionar bem o conteúdo que será apresentado a ele.

Faça uma comunicação one-to-one, tratando-os como indivíduos únicos.

Após o envio do primeiro email, analise os resultados gerados e crie novas segmentações baseadas na interação dos usuários com a mensagem enviada, além das taxas de aberturas de e-mail e cliques nos links dentro do e-mail direcionando para o seu site.

Conheça bem o seu cliente, para poder enviar então produtos e informações que interessem a ele.

4 – Crie um conteúdo relevante

Conteúdo email marketing

Pense e pesquise ações inovadoras no conteúdo da mensagem. Lembre-se que apesar de toda segmentação, é importantíssimo ser relevante e oportuno.

O e-mail marketing deve ser esperado, querido e ser tratado com expectativa de somar ao usuário, tornar a vida dele melhor de alguma forma.

Lembre-se que além de oferecer um conteúdo relevante, você precisa criar um diferencial para sua empresa.

O “mais do mesmo”, enviar de forma genérica para os e-mails de clientes e parceiros ou exagerar na extensão da mensagem, já não funciona mais.

Até porque, hoje, existem ferramentas para personalizar as mensagens e também guias para a criação de campanhas.

A melhor forma de atingir o público é investir em design criativo ou escrita criativa.

Funciona muito bem uma linguagem descontraída que contenha um pouco de humor ou uma história.

Ou, então, um link de um vídeo ou de algum outro conteúdo rico faz o seu email marketing passar de genérico para personalizado e de “brando” para “engajador”.

5 – Use a frequência certa

O aumento da frequência de envio de emails em datas comemorativas é algo natural. Isso porque, mesmo bem próximo à data de fato, sempre há aquelas pessoas que estão atrasadas com as compras e que precisam de opções “urgentemente”.

Contudo, cuide para não ser insistente, ou pior, apelativo. Por isso, muito cuidado, a interação deve ser na medida certa.

Evite que sua campanha entre para essa lista de mensagens marcadas como spam. Informe e ofereça conteúdo e promoções para seu público de forma sucinta e conveniente, sem ser insistente.

Acompanhe os relatórios dos envios de email marketing para verificar o interesse dos destinatários pelo conteúdo gerado e cheque se essa ação está realmente trazendo retorno.

6 – Porém, não se atrase!

Conteúdo email marketing

Se o seu objetivo é oferecer produtos para os clientes, não adianta você oferecer descontos e promoções se o seu produto não chegar na data que o cliente precisa, certo?

Além de deixar o cliente frustrado, isso vai acabar com a sua ação.

Se organize, normalmente a grande movimentação do comércio começa com duas semanas de antecedência;

Avalie as condições e ofertas da sua empresa e ofereça a melhor experiência para o comprador e, claro: busque garantir o sucesso do cliente em tempo integral.

7 – Evidencie o seu diferençal

Faça um estudo de ações que estão sendo feitas pelos seus concorrentes e crie um diferencial competitivo para lidar com essas campanhas.

Pense no que eles não estão fazendo e também no que você poderia fazer de melhor.

Além de pontos como o design e conteúdo, pense em outras coisas que possam ser atrativas aos consumidores (como ofertas, descontos progressivos ou até mesmo prêmios). O cliente precisa saber qual é o diferencial do seu produto e por que deve optar por ele e não por outros.

Para as empresas B2B, por exemplo, além da tradicional lembrança pela data, que tal incluir um convite para uma confraternização ou um benefício relacionado ao serviço prestado por sua empresa?

Em momentos de dificuldades econômicas, oferecer algum desconto ou condição especial pode surtir um efeito positivo – principalmente em mensagens de final de ano.

8 – Integre a campanha com as redes sociais

Estimule o compartilhamento e expanda o alcance da sua campanha. As redes sociais ganham muito destaque em datas comemorativas como essa.

Mas se você escolher deixar para a última hora…

Mesmo que você não tenha preparado sua campanha e-mail marketing, ainda é possível aproveitar se adotar uma estratégia rápida e bem planejada.

É nos últimos dias que a procura por presentes realmente aumenta, certo? E você vai querer oferecer uma solução que funcione para os procrastinadores.

Para as ofertas, pense na entrega garantida e cartões de presente, bem como produtos de acabamento rápido e pacotes de altos preços.

A ideia é oferecer os melhores presentes com a garantia de que vão chegar ainda em tempo.

Mas, se quiser aproveitar o pós…

É uma ótima oportunidade o envio de emails após a data para atrair os compradores cautelosos ou aqueles que realmente deixaram passar o momento.

Alguns consumidores podem também estar esperando por descontos em produtos. Só não esqueça de retirar da lista aquelas pessoas que já fizeram compras.

Checklist para uma campanha de email marketing

Checklist campanha email marketing

O email marketing, você sabe bem, ganhou popularidade pois produz resultados. No final dos anos 90 e início dos 2000, ele ainda era uma novidade.

Embora hoje ele não seja a única ferramenta usada para relacionamento com o cliente, ele segue sendo bastante efetivo.

A acessibilidade ao email, portanto, significa que os profissionais em marketing precisam trabalhar duro para acabar com a desorganização.

No passado, ter permissão para enviar emails marketing era preferido, agora é requerido.

Em última instância, a empresa deve esforçar-se mais na comunicação via email , a partir de metas e objetivos e de uma visão a longo prazo dos resultados.

Mesmo que você seja um novato em email marketing ou um profissional sazonal, ter uma estratégia e um passo a passo sobre onde ir é um fator crítico de sucesso nesta missão.

Ninguém é perfeito, e o erro humano é inevitável.

Porém, quando se trata de campanhas de email marketing, até o erro mais simples pode significar um motivo para o seu email ser aberto ou imediatamente enviado para a lixeira.

Passo a passo para uma campanha de email marketing eficiente

Agora que você já sabe a importância do email marketing, como criar boas campanhas e também como diferenciar-se, é preciso ter um passo a passo para não esquecer nenhum detalhe relevante.

Fizemos um checklist para ajudá-lo a evitar os erros mais comuns neste momento:

  1. Faça todos os links funcionarem. Todos eles estão no lugar certo? E direcionam para o lugar certo?
  2. Você tem uma versão plain text? Ela é igual ao seu conteúdo HTML?
  3. Você tem as tags alt e ela mostram links?
  4. Todas as suas imagens possuem links? E eles estão indo para o lugar certo?
  5. Seu e-mail é personalizado e os nomes estão formatados corretamente na sua lista?
  6. Você tem um botão de unsubscribe e ele funciona? E uma CTA atraente?
  7. Você possui um texto confiável no formulário?
  8. Você está acompanhando seus links através do Google Analytics?
  9. Você limpou sua lista de distribuição de opt outs?
  10. Como o seu e-mail aparece na caixa de entrada de diferentes clientes?

Aproveite, se desejar, e faça uso de alguns templates mensagem para cliente. Assim, adequando ao perfil dos seus consumidores, você ganha tempo e consegue ser mais produtivo nesta empreitada.

E aí, como podemos te ajudar?

Se você ficou com dúvida sobre o conteúdo ou quer saber de mais ações para impactar mais clientes, fale com um consultor ainda hoje.

Aproveite e leia dois artigos que ajudarão você a atrair mais consumidores para seus negócios.

O primeiro aborda algumas estratégias e como ser mais assertivo no momento da captação de clientes.

Já o segundo fala sobre como realizar uma prospecção ativa de consumidores para a sua empresa.

Boas vendas!

Um abraço do PipeRun, o seu CRM. #RunPipeRun

Equipe de Redação
conteudo@odig.net