captacao-de-clientes

6 min de leituraCaptação de clientes: como fazer as pessoas chegarem à sua empresa?

A captação de clientes é essencial para empresas que desejam crescer e expandir os seus negócios. Sejam negócios que estão começando, sejam os que já têm algum tempo de estrada, captar novos cliente segue sendo um desafio que precisa ser superado.

Afinal, não é raro que alguma empresa encontre-se em alguma espécie de “enrascada”.

Afinal, ela aplicou em um primeiro momento uma estratégia que, agora, não vem dando resultado. Porém, mudar radicalmente ou até mesmo adaptá-la para arriscado.

Então, o que fazer?

Para tornar esse trabalho mais assertivo, para que ele ocorra dentro dos valores das empresas, separamos algumas dicas para ajudar você na captação de clientes.

Diferenciar-se, mostrar o valor da solução que você vende, dar a certeza ao cliente de que você é um especialista no assunto. É isso que você precisa buscar para os seus negócios. É isso que ajuda você a captar clientes cada vez mais.

Afinal, o objetivo é esse: garantir a confiança do seu prospect, agir de forma a encantá-lo para que, ao final da jornada do comprador, ele se torne, efetivamente, cliente.

Vamos lá?

Boa leitura!

A captação de clientes não precisa ser uma missão impossível

Separamos algumas dicas para você que deseja captar mais clientes mas, por alguma razão, vem enfrentando problemas nesta tarefa.

Lembre-se, também, que é importante fazer isso seguindo os valores da sua empresa, sendo verdadeiro e mostrando quem você é, ok? Assim fica muito mais fácil replicar essa estratégia.

Vamos às dicas:

Conheça sua persona

Pode parecer óbvio, mas ignorar questões básicas não é algo tão raro. Fato é que você precisa conhecer bem a persona, o perfil do seu público-alvo.

É essencial saber quem é o comprador do seu produto e serviço para poder direcionar as suas estratégias. E isso vai desde a forma como você se apresenta, discurso, até o conteúdo gerado, que faça sentido para ele e que atenda às suas necessidades.

Se você não tem mapeada a persona, então, mãos à obra. Pesquisa, pergunte, analise a concorrência e quem são os seus compradores.

Mas, se você já tem, é o momento de pensar em como solucionar as dores desta pessoa. De que maneira, em que formatos você consegue comunicar que, o que você vende, é o ideal para ela?

Faça uma boa análise do cenário da sua empresa. Dos seus colaboradores e da sua estrutura de marketing hoje. O que você consegue fazer imediatamente? Quantas pessoas precisam estar envolvidas? E verba?

Comece com o que você consegue neste momento e vá expandindo.

Mostre que você é referência naquilo que faz

Gerar confiança em quem está buscando uma solução para o problema. Mostar uma imagem de credibilidade, de especialista no assunto. É isso que você precisa buscar. É essa a imagem que a sua empresa precisa ter.

Focar em produto e em discurso de vendas é importante – mas isso é para um segundo momento. Você só mostra que você domina o assunto para aqueles que ainda não conhecem a sua marca quando gera conteúdo relevante sobre o que você vende.

Uma maneira eficaz de fazer isso é com um blog. Nele, mostre que você sabe entende as dores das pessoas que estão atrás de soluções; que você sabe tendências e domina o mercado.

Fazer isso é aplicar a captação de clientes por inbound marketing, que falamos mais neste artigo aqui.

Ofereça materiais ricos

Outra forma de mostrar que você é referência no segmento em que atua é criar materiais ricos. Se você é SaaS, ou então trabalha com vendas B2B, por que não criar modelos prontos para os clientes aplicarem?

Por que não, por exemplo, fazer um modelo de playbook de vendas editável para que as pessoas possam aplicar aos seus negócios?

Ou, então, ofereça outros tipos de conteúdos educativos, como eBook, infográficos, planilhas, quiz, games (por que não?), entre outros.

Importante, claro, criar uma landing page, com um formulário de cadastro, para poder captar o contato deste lead.

Aborde sem ser invasivo

Outra maneira eficaz na captação de clientes é através do envio de emails – e aí estamos falando também do cold mail por parte do time de pré-vendas.

Mas, falando de email marketing, quando você entrega o conteúdo de qualidade criado, cria um discurso assertivo e alinhado aos valores de sua empresa, isso gera valor para quem lê.

Porém, é importante que faça sentido o que está sendo enviada. Segmente bem e coloque CTA (Call To Action) para quem recebeu. Convide para um período do trial na sua ferramenta, ou, então, ofereça algum desconto ou benefício.

Interaja onde as pessoas estão

As redes sociais precisam funcionar como um elo entre as pessoas e a empresa. É preciso usá-las de maneira a reduzir as distâncias. Até por isso, divulgar apenas o produto ou serviço que você vende não faz sentido.

Invista em estilo.

Coloque personalidade naquilo que você posta. Acredite em uma linguagem própria. Além de distribuir o conteúdo que você criou (texto do blog, materiais ricos, etc), por que não colocar algumas coisas do dia a dia de seus negócios?

Reduzindo barreiras, você cria uma relação mais humanizada, mostrando-se à disposição de quem eventualmente mostrou interesse pela sua marca.

E aproveite para entregar o seu conteúdo através de notificações pushs criativas e personalizadas. Que tal?

Busque os evangelizadores da marca

Outra maneira eficaz para ajudar na captação de clientes é acionar os evangelizadores da marca. Estes são aqueles clientes que estão com você há algum tempo e que a sua solução o atendeu perfeitamente.

Mais do que isso, você garantiu o sucesso dele (customer success) e ele indica novos clientes para você.

Então, faça isso aparecer. Coloque prova social no seu site – comentários deles dizendo como o seu produto ou serviço realmente funciona.

Construa, também, em seu site, um texto falando destes case e espalhe por aí, via redes sociais ou emails. Assim, novamente, você estará construindo uma imagem de referência na área em que atua.

Organize a prospecção no seu CRM

Para ter todos os processos organizados, você pode usar um bom software CRM para fazer prospecção de clientes.

Emails automatizados, integração com geração de leads via Facebook Leads, integração com LinkedIn, landing pages e muitos outros.

Colocando os leads gerados no seu funil de marketing ou de pré-vendas, fica muito mais fácil qualificar o contato, nutrir esse lead para, enfim, conseguir selar a venda, dentro do sistema de vendas escolhido.

Bem, agora é hora de colocar estas ações em prática. Seguindo técnicas de vendas fica mais fácil transformar os prospects em clientes de fato.

E aí, como podemos te ajudar?

Se você ficou com alguma dúvida acerca dos termos que usamos neste artigo, acesse nosso glossário de termos de vendas.

Para saber mais sobre um CRM Online, completo, fale com um consultor hoje mesmo.

Boas vendas!

Um abraço do PipeRun, o seu CRM. #RunPipeRun

Equipe de Redação
conteudo@odig.net