Teletrabalhador de vendas

6 min de leituraTeletrabalhador de vendas: 5 motivos para gerenciar as vendas pelo CRM

O teletrabalhador de vendas é aquele profissional que atua como vendedor – ou pré-vendedor – de forma remota, de casa. Ou seja, ele não está fisicamente na empresa. Nem por isso, porém, ele deve deixar de ter recursos e ferramentas ao seu lado. E o CRM é o principal aliado nesta missão.

Seja de casa, seja do escritório, sem dúvida alguma vendedores e empresas querem aumentar suas vendas, certo?

Desejam impactar cada vez mais clientes de forma positiva, gerar valor e, claro, ter bons resultados a partir disso.

O teletrabalhador de vendas obviamente se encaixa nessa realidade.

E quando tem um CRM como aliado, a tarefa fica bem mais fácil. Na verdade, ela se torna possível.

Um cenário muito diferente de quem ainda insiste em gerenciar suas vendas por meio de planilhas.

A distância exige ainda mais organização das empresas para manter-se relevante, competitiva e crescendo.

Por isso, o intuito deste artigo é esclarecer e ser didático sobre quais os benefícios que um software de vendas traz às empresas e, obviamente, ao teletrabalhador de vendas.

Vamos conferir?

Boa leitura!

Primeiro de tudo, o que é CRM e por que o teletrabalhador de vendas precisa dele?

Teletrabalhador de vendas

Antes de entendermos os benefícios que o CRM traz ao teletrabalhador de vendas e às empresas, é preciso dar alguns passos atrás.

CRM, em inglês, significa “Customer Relationship Management”. Em uma tradução livre: “gestão do relacionamento com o cliente”.

Para se ter uma relação positiva com seus clientes, é fundamental que as empresas passem, portanto, pela transformação digital do processo de vendas.

É, sem sombra de dúvidas, uma das principais ferramentas para home office de vendas quem alguém pode ter.

Com o CRM, você tem um sistema que engloba:

  • ações;
  • análise;
  • estratégias;
  • gestão;
  • políticas.

Tudo isso atua para organizar melhor a rotina de vendas e dar assertividade em todas as etapas do processo.

O foco no cliente é, sem sombra de dúvida, um dos principais pontos de atenção que o teletrabalhador tem.

Até porque, dá para contar nos dedos os segmentos que não precisam ter um relacionamento duradouro e positivo com seus consumidores.

Esse é um elemento decisivo para que o cliente em potencial opte pela sua empresa – e não pela concorrência.

5 motivos para o teletrabalhador vender pelo CRM

Teletrabalhador de vendas

O teletrabalhador de vendas, quando atua com um CRM, tem todas as condições para atrair, relacionar, encantar, vender e reter clientes.

Falaremos, neste tópico, sobre os benefícios que um sistema de vendas traz no dia a dia do teletrabalho.

Mas, ao mesmo tempo, abordaremos as funcionalidades que propiciam essas vantagens.

Desta forma, você terá uma visão global sobre como o software atua e o que ele pode trazer de ganhos para todos – vendedores e empresas.

Veja:

1 – Informações de contatos e clientes centralizados

Um vendedor de sucesso é, acima de tudo, organizado. E um CRM propicia essa organização em todos os momentos, especialmente com a carteira de clientes.

E aqui, nem estamos falando do fato de poder, à mão, registrar algum contato que você pegou de um evento, por exemplo.

Um bom sistema possui integrações com as principais plataformas de automação de marketing.

O que isso significa?

Bem, todos os leads oriundos de suas estratégias de marketing aparecem automaticamente no funil que você configurou.

Na maioria dos casos, no de pré-venda para o SDR qualificá-los. Mas, claro: tudo depende de como seu processo de vendas está estruturado.

Ah! Você consegue isso através das ações automáticas que o CRM possui.

Ou seja: uma pessoa registrou interesse no seu site para um período de trial, pediu para falar com especialista ou solicitou um orçamento, por exemplo, duas coisas acontecem:

  1. Uma oportunidade é aberta, com os dados fornecidos, no funil programado;
  2. O cliente é registrado dentro do sistema e fica com nome, email, segmento, cargo e outros dados armazenados.

Isso torna o trabalho de encontrar seus compradores e potenciais compradores de maneira muito mais fácil.

Desta forma o teletrabalhador consegue não só organizar clientes como tê-los centralizados e à disposição para aplicar a metodologia de vendas que mais fizer sentido para cada um dos tipos de clientes.

2 – Visão sobre as oportunidades de vendas

Outro fator importante e que ajuda a rotina do teletrabalhador é o fato de poder enxergar todas as oportunidades de vendas que possui – e o status delas.

Além de poder criar diversos tipos de funil – o que torna o processo mais completo e detalhado -, o fato de ter o pipeline no modelo kanban facilita a visualização.

Você divide cada ação do processo em etapas e consegue visualizar, na miniatura do card, as principais informações sobre cada oportunidade.

Isso torna sua tomada de decisão mais ágil e evita que você precisa procurar por muito tempo por informações simples como nome do prospect, valor negociado, etc.

Ainda por cima, por possuir diversos funis, você consegue acompanhar a oportunidade em todos os momentos a partir da hora em que está envolvido com ela.

Então, por exemplo. Para aquelas empresas que trabalham com pré-vendas técnico, depois de o vendedor negociar com o cliente, é hora de acertar o escopo do projeto.

O teletrabalhador de vendas consegue visualizar o status da oportunidade e ver a evolução dela até a venda ser, de fato, consumada. Ou seja, o pagamento ocorrer.

3 – Agilidade para fazer contatos e atividades

Teletrabalhador de vendas

Aqui, entramos novamente em duas funcionalidades do CRM: integrações e ações automáticas.

Elas agilizam toda e qualquer atividade que o teletrabalhador precisa fazer.

E, junto a isso, soma-se o fato de possuir templates para: emails, proposta comercial e contratos.

Então, pense no seguinte cenário. O lead converte no formulário do seu site pedindo um orçamento.

As seguintes ações automáticas rodam, são 3:

  1. cadastro do cliente na carteira;
  2. oportunidade aberta na primeira etapa do funil específico;
  3. alerta para fazer uma ligação para esse prospect.

Tudo isso em questão de segundos.

Bem, você liga do seu webphone integrado (ou seja, de dentro da oportunidade) e fala com o possível comprador.

Se ele dá o sinal verde pedindo a cotação de um produto seu ou serviço, você arrasta para a etapa seguinte.

Isso acionará uma ação automática que enviará uma proposta (criada com seus templates) para o cliente através de um email – também criado no seu template.

Fácil certo? Tudo com um clique, com o simples arraste do card da oportunidade para outra etapa do funil.

E isso essa operação, esse modo de agir, se replica em outras etapas e atividades necessárias dentro da rotina de vendas.

4 – Aumento das vendas e da comissão do teletrabalhador

Olhe o exemplo que demos no benefício anterior.

Você percebe a agilidade nisso tudo? Percebe quantas oportunidades a mais por dia conseguirá trabalhar?

E percebe o quanto isso pode se reverter em mais negócios fechados e consequentemente mais comissão de vendas para o teletrabalhador?

Você fez tudo isso de casa, sem precisar estar no escritório, sem precisar visitar o cliente.

Desta forma o modelo inside sales é tão eficiente, quando ele está amparado na tecnologia de um CRM.

Gastando menos tempo para fazer tarefas burocráticas como cadastrar clientes, preencher propostas, redigir emails, você consegue lidar com mais oportunidades e de uma forma muito mais positiva e construtiva.

Você consegue ter tempo e paciência para focar em negócios. Para ser didático no seu contato com o cliente e mostrar o valor do produto ou serviço que você vende.

É desta forma – e somente assim – que você pavimenta o caminho para ganhar sua confiança e encantá-lo com sua solução.

5 – Relatórios de desempenho

Teletrabalhador de vendas

Nenhum processo está 100% pronto. E mesmo que você pense isso, a exigência dos clientes muda. Aumenta.

O foco e a necessidade estão constantemente evoluindo. Por isso é tão importante estar atento ao desempenho de vendas.

Seja do teletrabalhador individualmente, seja da equipe. No CRM, você consegue ter relatórios completos.

Vê a taxa de conversão por cada etapa do funil, tem o forecast de vendas baseada no seu histórico de ganho em cada estágio, além, claro de medir o desempenho por tipo de cliente, produto, entre outros.

Assim você saberá exatamente no que vai bem e no que deixa a desejar e terá informações para corrigir, quase que em tempo real, as defecções do seu processo.

E aí, como podemos te ajudar?

Se você ficou com alguma dúvida ou quer saber mais sobre como o CRM ajuda o teletrabalhador de vendas, fale com um consultor agora mesmo.

Aproveite e leia dois artigos que ajudarão você a vender mais e melhor sem estar no escritório.

O primeiro traz dicas e estratégias para ter um home office de vendas mais produtivo.

Já o segundo fala sobre como estruturar uma rotina e uma gestão para o trabalho remoto de vendas.

Boas vendas!

Um abraço do PipeRun, o seu CRM. #RunPipeRun

Augusto Turcato
conteudo@odig.net

Augusto Turcato faz parte do time de marketing que ajuda milhares de vendedores, gestores e empreendedores brasileiros a aumentar suas vendas com metodologias e tecnologias aqui no CRM PipeRun.